Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

PEÇA SUA MÚSICA ↓

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!

Baixe o APP no celular!

Tecnologia do Blogger.

ANUNCIE AQUI!

ANUNCIE AQUI!

ESTAMOS NO FACEBOOK

DEIXE SEU RECADO PARA NÓS!

quinta-feira, 23 de março de 2017

MC Troinha vira questão de prova de química

Matéria do Viver com o cantor e compositor pernambucano chamou a atenção de alunos e internautas


A matéria MC Troinha é a nova sensação do brega, sobre o cantor e compositor recifense autor dos hits Balança, balança Vai descendo, virou questão de prova em um simulado de química. Após agradar os alunos do Sistema Educacional Radar, em Vitória de Santo Antão, o teste elaborado pelo professor Hiccaro Rodrigues, de 29 anos, foi compartilhado no Facebook na página Brega Bregoso e já conta com mais de 3 mil likes, quase 600 compartilhamentos e 400 comentários. "Esses professores não têm limite. É cada prova fácil, viu", brincou o criador do perfil.


"Em entrevista recente ao Diario de Pernambuco, MC Troinha, a nova sensação do brega, falou um pouco do seu estilo: 'Meu estilo é feito por mim mesmo. Faço tudo de última hora. Pego uma camisa, depois uma bermuda que eu ache que combina com o meu cordão de ouro'. Sobre o ouro, presente no cordão do Troinha, que possui Z=79 e A=197, podemos afirmar que", pergunta o professor. Ele deu aos alunos cinco opções, uma das quais é, na verdade, uma brincadeira: "O ouro 'balança, balança, balança, balança'".

A intenção de Hiccaro é atrair os alunos e popularizar a apreensão da matéria para os alunos dele, com idades entre 14 e 17 anos. "Química já é uma coisa abstrata, eles já veem com receio no ensino fundamental. Se eu não aliar ao cotidiano, ao que eles gostam e deixar uma coisa divertida, vai ser mais difícil. Uma questão, entre dez, é para descontrair, para mostrar que química tem aplicação na vida, nas coisas de que se gosta", avalia o professor, nascido em Campinhas (São Paulo). "Sem eles não teria razão de fazer nada disso", agradece. 

Troinha foi escolhido porque os alunos cantaram uma das músicas durante uma aula. "Achei a matéria no Google. Eu fiz uma pesquisa sobre Troinha e era um dos primeiros links. Eu já fiz um bocado de questões com vários assuntos. Neste ano, pensei 'do que o pessoal gosta?'", explica. O seriado The walking dead, exibido no Brasil pela Fox, e o xampu utilizado pelo cantor Wesley Safadão foram incluídos em testes anteriores. "O pessoal adorou, disse que tinha ajudado a fazer a prova. Foi uma questão de simulado. Disseram que a questão deu estímulo para continuar. Acharam legal, criativo. Pelo que vi no Facebook, também não houve crítica. Vi o pessoal rindo e muita gente pedindo aos professores para fazer o mesmo", conta ele, animado e surpreso com a repercussão. 

Troinha tem 25 anos, é um dos cantores mais escutados da cena atual do brega recifense e faz cerca de 12 apresentações por semana. Ele já gravou clipe com Aviões do Forró (Balança, balança, publicado por Thiago Gravações, com 460 mil visualizações), durante dueto no Olinda Beer, em janeiro, e com a cantora Márcia Fellipe (Vai descendo, lançado pelo Canal KondZilla, visto mais de 2,5 milhões de vezes). Quando publicada pelo Viver, a matéria sobre o artista pernambucano cujo nome de batismo é Arthur Felipe da Silva Alves foi curtida por quase 10 mil internautas, compartilhada mil vezes e provocou intenso debate nas redes sociais sobre preconceito relacionado ao brega e à música de periferia. 

O cantor Ayrton Motarroyos, famoso nacionalmente após chegar à final da quarta temporada do reality show musical The voice, exibido pela Rede Globo, como integrante do time de Lulu Santos, saiu em defesa de Troinha entre os mais de 1,7 mil comentários. "Cultura é o conjunto de manifestações artísticas, sociais, lingüísticas e comportamentais de um povo ou civilização. É cultura sim!", defendeu ele, na resposta mais curtida da postagem.

O recifense Johnny Hooker, compositor de VoltaAlma sebosaDesbunde geral Amor marginalelogiou Arthur após polêmica com fãs do MC. "Amo o Troia. Acho uma grande injustiça tanto ele (Troia) quanto a galera do brega não estarem na programação oficial também", ele escreveu no Twitter. Antes, reclamou por não estar escalado para o carnaval e se intitulou "o pernambucano mais tocado na década", posto rebatido por bregueiros. 

MC Troinha se prepara para lançar um novo álbum e, na sexta-feira passada, desabafou contra o vazamento de uma faixaSarrada no ar seria uma parceria com o cantor Gabriel Diniz, mas uma versão solo foi divulgada na internet. "Gente queria dizer que essa música foi lançada sem meu comando e que, apesar de ser boa, está como uma música errada. Então a galera tá baixando sem saber. Vocês podem ver que nem o Mano Djhay nem o Thiago Gravações lançaram", contou. A versão oficial deve ser divulgada em breve.

Por: Luiza Maia - Diario de Pernambuco
←  Anterior Proxima  → Inicio

0 comentários:

Postar um comentário

Tempo Macaparana

Anuncie Aqui!

Publicidade

Publicidade

Ivo Refrigeração

CLASSIFICADOS

Resultado Mega Sena

Horóscopo